Passei o dia bebendo!

Talita Simões, do bar At Nine, ganhou o concurso de melhor barman do Brasil. A final mundial será na Índia

Hoje comecei a beber às 11h da manhã. Não, não baixou a Heleninha Roitman em mim. Nem a Santana! Fui jurado da etapa brasileira do World Class 2011, concurso promovido pela Diageo para eleger o melhor barman do mundo. É tipo a “copa” dos bartenders. O vencedor brasileiro disputará a final mundial em Nova Deli, na Índia.

Continuar lendo

Anúncios

Comida afetiva em novo endereço

Parmigiana do Amici: sim, é tão gostoso quanto parece

Rolou um momento “A Banda” no meu último sábado: estava à toa na vida mas meu amor NÃO me chamou. Resolvi então unir o útil ao agradável e lá fui eu conhecer o novo Amici. O restaurante existe há dois anos. Ficava na Chácara Santo Antônio. Há dois meses, a chef Renata Cruz, dona no negócio, resolveu mudar “pra mais perto” e reabriu a casa no Itaim Bibi.

Continuar lendo

Caipirinha remix no Mocotó

Caipirinha de três limões com Fulô: é bem fresquinha, pode mandar três, vai

Meldels! A segundona começou forte e fria! Então, vamos esquentar o início da semana falando de cachaça – e de comida, claro (ah, esse gordinho rebelde que mora dentro do meu coração… e do meu abdômen!). A cachaça Fulô lançou o prêmio Eu Amo Caipirinha, com 20 bares de São Paulo concorrendo com três receitas. Uma para cada tipo de cachaça, envelhecida em barris de carvalho (mais tradicional), de jequitibá (mais verde, adocicada) e de ipê (mais seca, a minha preferida, aliás). Dez deles (Astor, Bar da Dida, Bar da Vila, Eu Tu Eles, Filial, Mercearia do Conde, Número, Obá, Totó Ristorante & Bar e Veloso) serão julgados por um júri especializado.

Continuar lendo

Jantei bruschetta

Presunto de parma, caprese, queijo de cabra com pera: e dá pra jantar depois disso?

Conheço uma meia dúzia de pessoas que, ao ler o título acima, vai revirar os olhos e pensar: “Tsc tsc tsc, é o fim da linha pro pequeno paquiderme”. Que exagero! Tudo bem que não sou o tenista Novak Djokovic, que há um ano baniu o glúten de sua dieta. Mas à noite também evito meus bons carboidrato (assim mesmo, no singular, à Marilac). Acontece que fui conhecer a Prima Bruschetteria e daí o diabo piscou o olho…

Continuar lendo

Café com flores

Fresco e floral: o Onirio harmonizado com macadâmias e geléia de jasmim

Hoje passei um dia tipo Nescau, sabe “energia que dá gosto”? Mas não foi o achocolatado que me deixou assim elétrico. Logo de manhã, fui à Boutique Bar Nespresso experimentar o novo blend que a marca suíça está lançando dia 16. É o Onirio, edição limitada que estará à venda no mundo todo por apenas 11 semanas. Tomei quatro espressos. Entendeu de onde veio toda essa energia?

Continuar lendo

Dica “vai, gordinho” do dia

Romeu-e-Julieta reinventado? Sim, na tarte tatin de goiabas do Zest

Já já vou pra Rua Gabriel Monteiro da Silva, pro evento Avant Chandon. E já que hoje à tarde vou beber um pouquinho (aham, Ferraro, senta lá…), tive de almoçar bem pra forrar o estômago e não passar mal depois. Ai, as desculpas que inventamos pra nós mesmo, não é, minha gente?

Enfim, o almoço foi bom, mas a sobremesa… dá licença, viu? A guloseima da foto é a tarte tatin de goiabas com creme mascarpone, do Zest Cozinha Criativa. A torta de goiaba com o creme bem firme de queijo mascarpone (R$ 95) é tipo a reinvenção do romeu-e-julieta. Não muito doce, massinha gostosa, perfeita pra matar uma gula monstra.

Continuar lendo

Parece um alien, mas é de comer

Juro, o alienígena no prato é bom de mastigar!

Não, a foto acima não se trata de um prato de patinhas de dinossauros. São percebes, crustáceos que proliferam principalmente na costa cantábrica, leia-se norte da Espanha e de Portugal. Apesar da aparência jurássica, têm um sabor incrível e são considerados uma iguaria refinada na culinária ibérica.

Como sei de tudo isso? Estive na Galícia e nas Astúrias, há oito anos, fazendo uma matéria sobre a Espanha Verde. Em um dos restaurantes, me trouxeram uma bandeja de percebes, como se estivessem me oferecendo o quarto Segredo de Fátima.

Continuar lendo

Alex Atala vai pro Roda Viva

O chef paulistano Atala será o entrevistado dia 9, segunda

A cozinha brasileira vai pro centro da roda: amanhã, dia 9 de maio, o chef Alex Atala será o entrevistado do programa Roda Vida, na TV Cultura. O programa, comandado pela Marília Gabriela, vai ao ar às 22h15. Para quem esteve em Marte nos últimos 10 anos, Alex é dono do D.O.M., casa que há duas semanas foi eleito o sétimo melhor restaurante do mundo pela revista britânica Restaurant.

Continuar lendo

Morena em capítulos

O livro de Morena Leite: 25 desejos de se empanturrar

Por conta de outro evento na quarta-feira, acabei perdendo o lançamento do livro Capim Santo – Receitas para Receber Amigos, elaborado pela chef Morena Leite para comemorar os 25 anos do famoso restaurante baiano. Sim, o Capim Santo começou pequenininho, em Trancoso, fundado pelos pais de Morena, Fernando e Sandra. Só chegou a São Paulo em 1999, já sob comando da filha. Hoje, virou grife, tem serviço de bufê e até um filhote, o Santinho, no Instituto Tomie Ohtake.

Continuar lendo

Arroz de tudo quanto é jeito

Hummm! Arroz Thai, molhado no leite de coco e curry, com camarões jumbo

Acho que arroz é um dos ingredientes mais presentes no prato dos brasileiros. E um dos mais queridos. Muita gente acha que não almoçou direito se não comer arroz! Quantas vezes vi amigos colocando calmamente uma colherada de arroz no prato, do ladinho do espaguete à bolonhesa…

Overdoses de carboidrato à parte, ontem fui conhecer o Oryza, restaurante recém-inaugurado onde ficava o antigo AK, em Higienópolis. E o que tem o arroz a ver com isso? Tudo. Oryza em latim significa arroz, símbolo da cozinha dos chefs Daniela Amendola e Márcio Silva. NÃO! Não é uma risoteria. O arroz ali aparece em várias formas, desde pratos principais até nas bebidas (sakê), na massa do rolinho vietnamita e como matéria-prima do pão do couvert – que, aliás, é servido com uma manteiga queimada meio docinha que é de se entupir.

Continuar lendo