Dui: já era ótimo, ficou 30% melhor

Confit de galinha d’angola com baião de dois: paixão

Não é a primeira vez que falo do Dui aqui. Aliás, é a terceira. Nas outras duas falei muito bem, pois tive refeições incríveis ali. Ontem voltei para provar novidades do menu. O que achei? Apenas que o Dui é um dos meus restaurantes preferidos nessa cidade tão cheia de restaurantes. Aliás, a chef Bel Coelho conseguiu melhorar o que para mim já era ótimo. Ambiente bacana (sem ser fresco ou opressor), serviço exemplar e pratos saborosos, bem executados e bem servidos. Bel mudou cerca de 30% do cardápio (pra minha alegria, manteve o excelente filé Oswaldo Aranha e a refrescante salada vermelha, que você pode conhecer aqui). Entre as novas receitas, todas equalizadas por uma indiscutível identidade brasileira, tive um caso de amor com o confit de capote (vulgo galinha d’ angola) em seu próprio molho, com baião de dois e queijo coalho (R$ 63). Mais uma vez, saí do Dui encantado. Quer saber das outras novidades? Vem comigo!

Praia à mesa: adorei essa entrada de ostras frescas com granizado de caipirinha de limão cravo (pense numa breve raspadinha…) e salsa de abacate (R$ 27).

Salada assim eu comeria todos os dias! Salada mesclum com figos levemente aquecidos,  queijo Saint Agur (um blue cheese bem cremoso), cubinhos de gelatina de vinho do Porto, macadâmias caramelizadas e vinagrette de mostarda com limão sicilianos. (R$ 29). Mas a porção aqui é de degustação (como em todas as fotos) – no Dui, os pratos são bem servidos

Esse tartare de atum vem sobre pupunha, de onde saem quatro especiarias orientais: gergelim preto, pó de wassabi, pó de gengibre e molho tarê. Coroando, uma gema mole de ovo de codorna. (R$ 39)

Uma das maiores surpresas da noite: quenelles (espécie de nhoque) de mandioquinha com castanha do Pará, de uma maciez incrível, quebrada aqui e ali pela textura da castanha, com ervilha torta e frutos do mar, como camarão, vieira, polvo…(R$ 77). Covardia esse prato, dona Bel!

Na sobremesa, uma recriação do romeu e julieta – e uma perdição absoluta: nacos gordos de goiabada cascão, com doce de leite, bolo de rolo, sorvete de goiaba, tudo coberto por um vigoroso creme de catupiry (R$ 17). Fim.

Ah, só uma coisa: o Dui mudou seu horário de atendimento. Agora a casa abre para almoço somente aos finais de semana, e para jantar, de terça a sábado. Podem em chamar que eu vou! #ahamgordinhosentalá

Dui – Al. Franca, 1590, Jardins, tel: (11) 2649-7952, www.duirestaurante.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s