Vieiras são as vedetes de menu especial no Chef Rouge

chef02aSou fã de vieiras. Bom, sou fã de muita coisa de comer, vocês bem sabem, mas tenho um apreço especial por vieiras. Esses moluscos (também chamados de pecten, a mesma concha de uma famosa marca de combustíveis…) são versáteis nas combinações e, quando bem preparados, chegam à mesa macios, com textura agradável. Assim, gostei muito de saber que o chef Wagner Resende elaborou um cardápio especial de vieiras para servir no Chef Rouge. As receitas do menu Saint Jacques – duas entradas e 3 pratos principais – serão servidas no almoço e jantar das duas unidades da casa, entre 7 e 21 de março. Hoje o chef ofereceu uma degustação de alguns pratos. Um dos mais impressionantes foi justamente uma entrada: Saint Jacques au Lavande (R$ 39), vieiras gratinadas com zabaione de lavanda. Veja outras novidades abaixo. Continuar lendo

Anúncios

Sobremesas ganham a companhia de bons pratos

kukla5aQuando abriu, em junho de 2011, a Kukla ficou conhecida pelos cookies deliciosos e bolos fofos, criados pela chef Luisa Lorch – a moça, que também é mestre em história das artes e design, trabalhou no Museu de Arte Moderna, em Nova York, e lá fez cursos de gastronomia e patisserie. Quase dois anos depois, Luisa deu uma reformada no endereço e ampliou o horário de atendimento da casa, que agora passa a servir jantar. O cardápio enxuto tem seis entradas e seis pratos principais. Jantei lá ontem e a chefe fez uma pequena degustação. Já estou apaixonado pelo salmão com crosta de falafel sobre homus, com salada de pepino e tomates (R$ 52). Veja abaixo destaques do meu repasto da noite de ontem! Continuar lendo

Menu “diliça”, com peixe e camarão, custa só R$ 39,90

Filé de peixe à delicia: molho bechamel, camarões gratinados e bananas assadas

Filé de peixe à delicia: molho bechamel, camarões gratinados e bananas assadas

Olha só… que delícia! Começa amanhã no restaurante Na Cozinha o Menu Diliça, uma brincadeira gostosa do chef Carlos Ribeiro para comemorar os quatro anos da casa. O cardápio especial vai de 22 de fevereiro a 9 de março, somente no jantar, e é uma delícia mesmo – inclusive no preço: entrada, prato principal e sobremesa por apenas R$ 39,90 por pessoa. Começa com dois pãezinhos delícia, especialidade salgada de Salvador, feita em São Paulo no Delas Duas, de Isabela Toda e Nina Paiano. Como principal duas opções: o filé de peixe à delícia (molho bechamel com camarões gratinados, bananas assadas, acompanhado de arroz  e salada de folhas verdes) ou o premiado picadinho de carne da casa. Fechando a sobremesa delícia de abacaxi, cuja receita já demos aqui. Achei o preço ótimo e vou me jogar lá numa noite dessas.

Na Cozinha – Rua. Haddock Lobo, 955, Jardins, tel. (11) 3063-5374, www.nacozinharestaurante.com.br

O nome do restaurante já entrega: é tudo um Mimo

mimo2bxOntem estava combinando um almoço para hoje com o chef Carlos Bertolazzi (dos Zena, Spago e Per Paolo) e ele sugeriu o novo Mimo. Curti a ideia, pois além de estar curioso com a nova casa (abriu em 14 de janeiro), fica pertinho da agência onde trabalho. Por coincidência, hoje saiu uma resenha sobre a casa num dos maiores jornais da cidade, dando uma estrela pro Mimo. A sua primeira, pelo que eu soube. Ou seja, cheguei lá com a expectativa lá em cima – e saí de lá com a confirmação dessa expectativa: o Mimo é ótimo. A casa, de ambiente bem clean, em branco e cobre, é da empresária Fernanda Duarte. Ela passou um temporada de 3 meses em Nova York, inspirou-se muito e trouxe um conceito que me agrada muito: uma atenção extrema a detalhes, das luminárias à faca de carne, do papel do menu às louças. Um… mimo! O cardápio de inspiração mediterrânea foi montado a quatro mãos, pela consultora Ana Soares (Mesa Três) e pelo chef Volney Miguel Ferreira, que comanda a cozinha. E já começa bem nas entradas: a minha de hoje era pato desfiado com foie gras, cogumelos, cobertos por um cremoso purê de mandioquinha (R$ 28), coberto por uma casquinha. Tipo um super escondidinho de pato. Veja os outros pratos abaixo. Continuar lendo

Novo blend da Nespresso é ótimo para o café da manhã

nespressoHoje começou a ser vendido o novo grand cru da Nespresso, o Linizio Lungo. E acreditem, mal a loja tinha aberto e estava eu lá comprando. Sem eu saber ainda, meu momento consumista matutino teve tudo a ver com o novo café: o nome vem do italiano inizio (início, começo) e é um blend perfeito para o café da manhã – e cápsula laranja remete ao nascer do sol. A bebida, feita com uma nova variedade de grão de café Arábica da Colômbia, tem notas doces, não é nada amarga e lembra de leve cafezinho caseiro. Não costumo colocar leite, mas a simpática mocinha da Nespresso me fez provar o café puro e depois com um tiquinho de leite: as notas de caramelo pulam na boca – e olha que não adocei o café (aliás, nunca adoço). E ainda tive a audácia de degustar com pedacinhos de croissant, oferecidos pela vendedora (que depois dessa quase virou minha melhor amiga de infância). Como o nome diz, Linizio Lungo é para o preparo é longo (110 ml), mas também pode ser tomado curto (30 ml). A ótima notícia: não é um daqueles blends de edição limitada. O Linizio entrou para a linha normal da loja e custa R$ 17, a caixa com 10 cápsulas). Comprei duas. Não me julguem, eu adoro café da manhã. Agora eu talvez até coloque leite…

Nespresso Brasil: SAC 0800 7777 737, www.nespresso.com

Almoço de sábado com jazz na varanda

Arroz de polvo ao som de jazz: quem curte?

Arroz de polvo ao som de jazz: quem curte?

Sábado de carnaval e o moço aqui foi pular… de fuça num pratão de comida, ouvindo jazz! Explico: aproveitando a estação mais quente do ano, o Blú Bistrô, em Perdizes, promove a nova edição do Jazz na Varanda. Todos os sábados, das 12h30 às 16h, você almoça na simpática varanda, com o Blú Jazz Trio tocando standards como Let’s do It (Let’s Fall In Love) e All of me, entre outros. O menu também é especial e tem como estrela principal o arroz de polvo com rúcula e azeitonas pretas (R$ 58), numa porção bem generosa. Saiba mais abaixo. Continuar lendo

Fechado Para Jantar reúne comida, música e fotos

fechadoOba! Hoje foram revelados loca, menu e data do próximo Fechado Para Jantar, que reúne comida, música e conversa em locais inusitados e só para quem comprou convite antecipado. O povo se reúne, conversa, troca histórias… É mais uma experiência do que um jantar formal. A iniciativa é do chef Raphael Despirite, do Marcel, que elabora o menu com convidados. O próximo FPJ será nos dias 27 e 28 de fevereiro e 1º de março, às 21h, no Centro Internacional de Teatro Ecum (Rua da Consolação, 1623). São apenas 38 vagas por dia. O convidado dessa vez é chef Fábio Barbosa, do La Mar. O menu terá forte sotaque peruano, desde cebiche clássico e tiradito de de salmão chifa até burger de pato, maionese de fumaça, chips de raízes, e arroz de ají amarillo com abóboras e shitake. A sobremesa será um “misterioso” Bolo Fechado para Jantar, por Andrea Schwarz. O preço é R$ 170 por pessoa e inclui os vinhos, cervejas especiais e pisco sour (Jesus, me dê a mão e chama um táxi!). Ah, haverá também uma exposição de fotografias por Três08Studio e música do Projeto 3, de Sérgio Carvalho.As reservas podem ser feitas no foodpass, mas corre que o preço está camarada e são poucas vagas!

Menu catarinense tem até feijoada de frutos do mar

Feijoda de frutos do mar

Feijoada de frutos do mar

Mal chegou do interiorzão do Acre, onde participou de um projeto numa comunidade indígena, a chef Ana Luiza Trajano inaugurou em seu restaurante Brasil a Gosto mais um festival regional. Agora é a vez do menu Santa Catarina. Pensou em ostra, né? Nada isso: o cardápio, que deve ser servido até maio, tem de lingüiça a marreco, passando, obviamente, pelos frutos do mar. A estrela principal é a feijoada de frutos do mar (R$ 99), uma deliciosa combinação de macias favas brancas, com camarões, lulas, polvo e lasquinhas crocantes de copa. Uma novidade desse menu é que ele pode ser todo harmonizado com vinhos catarinenses, produzidos no município de São Joaquim. Como o 2011 VF Rosé Villa Francioni (taça R$ 23, garrafa R$ 91), para os frutos do mar. Veja abaixo as outras opções do menu. Continuar lendo

Esses sanduíches são do Peru!

Meu preferid, o chicharrón buenazo: costelinha de porco, batata doce e cebola roxa

Meu preferido, o chicharrón buenazo: costelinha de porco, batata doce e cebola roxa

Comida de rua está na moda (ainda bem!). Inclusive do Peru – é essa a proposta do novo La Sanguchería, que abriu há uma semana: servir num restaurante algumas receitas que se comem nas ruas peruanas, com preços mais camaradas. Objetivo atingido: jantei ali ontem e saí muito satisfeito. Entradas saborosas, sanduíches gostosos e despretensiosos e sobremesas tentadoras e… baratas! Dos sanduíches, meu favorito foi o chicharrón buenazo (R$ 15), feito com costelinha de porco, batata doce e cebola roxa. Mas há outras sete opções. Vem comigo que eu conto. Continuar lendo

Eca! China cria pizza de hot dog e tempurá de camarão

WTF?!

A “criação” da pizza Hut chinesa. Me passa um balde!

Ok, eu gosto de junk food, mas isso já é demais. Em sua viagem pela China, o fotojornalista John Lehmann se deparou com essa verdadeira arquitetura da desconstrução: uma pizza de hot dog e tempurá de camarão – com maionese! Tudo junto, ali, numa orgia de sabores, texturas, gorduras e sabe-se lá mais o quê. Detalhe: a invenção é da Pizza Hut chinesa!  Está abismado? Eu também fiquei. Mas dê uma olhada no resto do tumblr do John Lehmann. Tem muita foto linda e interessante da viagem dele pela China. Dá até pra esquecer esse atentado culinário.