Pasta alla vodca: simples, rápida e deliciosa

Captura de Tela 2015-04-21 às 19.58.50Hoje recebi amigos pra almoçar e fiz 3 receitas. Sim, fiquei maluco, mas em três horas tinha tudo pronto e foi ótimo. Além do frango spicy com laranja (receita aqui) e do frech toast com canela de sobremesa (aqui), testei uma nova receita e acabou rendendo bem: pasta alla vodca. Trata-se de macarrão com molho de tomate e vodca, simples assim. Usei o radiatori (viciei nesse macarrãozinho que parece um radiador de carro), mas pode ser penne, linguini ou mesmo papardelle. Veja a receita e divirta-se com essa massa rápida e muito saborosa.

Pasta alla vodca

Ingredientes:
400 g de macarrão (o seu preferido)
1 lata de tomate pelado (cortado grosseiramente em pedaços)
1 pacote (ou lata) de molho de tomate
3 ou 4 colheres de sopa bem cheias de nata (ou creme de leite)
¾ de xícara de vodca
1 cebola média picada
3 dentes de alho picado
1 colher de café de pimenta vermelha em flocos (pode ser pimenta calabresa)
2 colheres de sopa de manteiga
2 colheres de sopa de óleo
sal e pimenta a gosto
parmesão a gosto
um punhado de salsinha picada

Modo de fazer:
Prepare a massa no tempo de cozimento correto e reserve. Numa panela ou frigideira grande, aqueça o óleo e a manteiga, até derreter. Refogue a cebola e depois o alho até dourar.
Adicione a vodca de deixe reduzir o álcool por 3 a 5 minutos. Junte o tomate pelado picado e o molho de tomate, misture bem e deixe cozinhar por alguns minutos. Adicione a nata, misture bem e deixe cozinhar uns 5 minutos. Quando começar a borbulhar, abaixe o fogo, junte a pimenta e flocos, acerte o sal e a pimenta preta moída na hora e deixe o molho cozinhar.
Depois é só juntar a massa já cozida, salpicar com salsinha e misturar bem. Na hora de servir, polvilhe com parmesão ralado. Pronto!

Anúncios

Vamos almoçar melhor? A cozinha gostosa com bons preços do novo Clementina

Larica pouca é bobagem: sorvetão de leite Ninho, recheado com doce de leite, do Clementina

Larica pouca é bobagem: sorvetão de leite Ninho, recheado com doce de leite, uma das sobremesas tentadoras do novo Clementina

Dicona master pra quem quer almoçar bem durante a semana, sem destruir o bolso: abre amanhã o Clementina Forno & Fogão, pequeno e delicioso restaurante das chefs Carla Pernambuco (do Carlota) e Carolina Brandão, que já são sócias no Las Chicas. Aliás, o Clementina fica exatamente do outro lado da rua, em frente à antiga casa das meninas. Ontem fui provar a comida e acabei passando quase a tarde toda ali.

bacalhauA casa funciona de segunda a sábado, das 12h às 15h30. À noite, só funcionará “on demand”, ou seja, pra eventos fechados com poucas pessoas. O menu, bem enxuto, tem três pratos fixos e dois que variam dia a dia, chamados de PFs. Além disso, tem dois petiscos e três sobremesas. O prato mais caro do menu de ontem custava R$ 35 – uma saborosa porção de bacalhau à Brás, que por acaso foi minha opção.

feijucaO outro PF do dia era a feijoada, que vem numa cumbuca, acompanhada de arroz, farofa e couve. O preço? R$ 29. Carla me disse que a feijuca será servida apenas aos sábados e não estará entre as opções de PF às quartas.

anchoUm dos “fixos” são bife ancho com manteiga de funghi ou molho de mostarda, acompanhado de fritas e salada (R$ 32). Os outros são uma massa da semana, como fusilli com pesto de rúcula e cogumelos (R$ 26), e omelete com tomatinho, queijo cremoso e salada (R$ 26).

coxinhas2Se a fome permitir (e a consciência também), peça um dos petiscos como entrada. Como a coxinha de batata com frango e catupiry (R$ 16, porção com 4), gordinha, saborosa e bem recheada.

empada A outra tentação é a empada folhada de pupunha, milho e queijo cremoso (R$ 10). Comi tudo, claro (#vaigordinho). Ah, a casa não serve drinques, mas tem cerveja e vinhos (branco ou tinto) em taça, além dos não alcoólicos.

pudimTente deixar espaço pra sobremesa, pois são todas ótimas. Além do sorvetão de leite em pó  (R$ 13) na foto lá em cima, eu gostei mesmo do pudim cremoso de tapioca caramelado, com coco (R$ 10).

terrineNem sou muito fã de sobremesa à base de chocolate, mas fui bem feliz devorando colheradas dessa terrine de chocolate sem glúten (R$ 12), com massa macia e sabor intenso.

As donas da casa: as chefs Carla Pernambuco (esq.) e Carolina Brandão

As donas da casa: as chefs Carla Pernambuco (esq.) e Carolina Brandão

Enfim, pretendo de vez em quando pegar o metrô e andar três estações apenas para almoçar no Clementina durante a semana, sob o olhar atento da pequena estátua do Chacrinha, colocada no alto de uma prateleira no aconchegante salão de tijolos brancos – não foi à toa que pedi bacalhau, né?

Captura de Tela 2015-04-19 às 12.08.41Clementina Forno & Fogão – Rua Oscar Freire, 1582, Pinheiros.

Tela doce

Luca Corazza, Carole Crema e Roberto Strongoli: doce tarefa: julgar confeiteiros de todo Brasil

Luca Corazza, Carole Crema e Roberto Strongoli (da esq. para a dir.): o trio terá a doce tarefa de julgar confeiteiros de todo Brasil. 

Oba! Hoje começa mais um reality show de gastronomia pra gente assistir. E dessa vez com um dos meus temas preferidos: confeitaria. O canal pago GNT estreia hoje o Que Seja Doce, às 19h30. Em cada um dos 30 episódios diários do programa, apresentado pelo chef Felipe Bronze, três confeiteiros apresentam uma receita própria, depois enfrentam-se em um desafio temático (que já elimina um deles) e, por fim, disputam uma prova pra ver quem ganha.
Os jurados são os super especialistas em doces Carole Crema, Lucas Corazza e Roberto Strongoli. Ao final da série, os 30 doceiros vencedores terão suas receitas publicadas em um livro, junto com receitas exclusivas dos 3 jurados e do apresentador. Adocica!

Fim de semana à espanhola em SP

image001-2Se você, como eu, é muito fã da cultura e da gastronomia da Espanha, se liga nessa: dias 11 e 12 (sábado e domingo), vai rolar a 4ª edição do La Feria, evento enogastronômico cultural organizado pelo chef Fernando Lancho, do Gusta Bar, na Mansão Hasbaya. O que vai ter? Seis restaurantes e bares da capital montarão barracas no jardim da casa, com paellas e tapas, cervejas, vinhos e sangrias com preços entre R$ 7 a R$ 25. Anote: dia 11, das 10h às 22h; e 12, das 12h às 19h. E a entrada é gratuita.

 

image001-3Quer mais? O bar de tapas ¡Venga! Vai realizar a Paella Fest todo segundo sábado do mês. Ou seja, amanhã tem! A festa rola das 14h às 20h, com comida, drinques e até apresentação musical. A paella, estrela do evento, será servida na varanda e preparada à frente dos clientes em sua versão tradicional, a paella marinera (R$ 30), com arroz bomba, frutos do mar, páprica e açafrão. Tem também a opção arroz negro (R$ 30), de lulas, colorido por sua própria tinta. Para beber, o premiado barman Jean Ponce (ex-D.O.M.) criou dois drinques: sangria morada (R$ 20), com vinho branco, licor de açaí, fruta do conde e jabuticaba, e a caipiVenga (R$ 20), com cachaça orgânica, limão, açúcar mascavo, gengibre, capim limão e vinagre de Jerez. O evento terá também a apresentação da cantora espanhola Irene Atienza e o duo Coro de Grilo.

La Feria
- Mansão Hasbaya, Rua dos Franceses, 518, esquina com a R. Joaquim Eugênio de Lima, Bela Vista, laferia.com.br

¡Venga! – Rua Delfina, 196, Vila Madalena, tel. (11) 3097-9252, www.venga.com.br

 

 

O melhor prato pelo menor preço

IMG_8739 pAinda não conhece o Chez Oscar ou o Chez MIS? Taí uma boa oportunidade de ir a um deles (ou voltar) e provar o melhor prato da casa (na minha opinião), com um preço mais camarada. Até o dia 17 de abril, as duas casas servem um menu especial de almoço que inclui terrine de vegetais de entrada, o gostoso nhoque rústico de prato principal e bolo da Marie, na sobremesa. O menu fechado sai por R$ 39 (sem contar bebida e serviço). Mas atenção: é só até dia 17/4, no almoço de segunda a sexta.

Chez Oscar Rua Oscar Freire, 1128, Jardins, tel. (11) 3081-2966
Chez MIS Avenida Europa, 158, Jd. Europa, tel. (11) 3467-3411

Duas bolas sobre duas rodas

Bicicleta_F&M_03Se você não vai até o sorvete, o sorvete vai até você. A sorveteria Frida & Mina, de Pinheiros, lançou uma serviço itinerante: três vezes por semana, uma bicicleta visita alguns lugares da cidade para vender sorvetes no potinho, com uma “lasca” de casquinha. Achei fofo, achei meio hipster, achei prático. A bike gelada leva sempre quatro sabores, que variam – mas um deles é o de crocante de macadâmia, pois é o mais pedido. O preço é o mesmo da loja: 1 bola R$ 8; 2 bolas R$ 12; 3 bolas R$ 16. Abaixo segue a agenda de abril da bike do F&M:
Quartas (dias 8, 15, 22 e 29): loja da A Bela do dia (Rua Mourato Coelho, 1003), das 12h30 às 18h.
Quintas (dias 16, 23 e 30): bar e restaurante Pitico (Rua Guacui, 61 perto do Largo da Batata), das 12h30 às 18h.
Sextas (dias 10, 17 e 24 e 1º de maio): Cine Caixa Belas Artes, (Rua da Consolação, 2423), das 14h00 às 20h.