Festival Fartura rola no fim de semana no Jockey e você NÃO pode perder!

Prato da chef Ariani Malouf, de Cuiabá: costela bovina assada em baixa temperatura, acompanha arroz brasileiro com queijo coalho, milho, ovo surpresa, banana caramelizada e farofa da terra

Prato da chef Ariani Malouf, de Cuiabá: costela bovina assada em baixa temperatura, acompanha arroz brasileiro com queijo coalho, milho, ovo surpresa, banana caramelizada e farofa da terra

Quer uma ótima dica de como aproveitar esse fim de semana ensolarado e frio em SP? Dê uma passada no Festival Fartura Gastronomia São Paulo, que acontece no Jockey Club no final de semana de 25 e 26 de junho. É a primeira vez que esse evento chega a SP e é um imperdível. Serão sete espaços gastronômicos, dois palcos com atrações musicais e área de food trucks. E a comida… bem, o Fartura traz 100 atrações gastronômicas, de Roraima ao Rio Grande do Sul. Será uma grande chance de provar a cozinha de chefs renomados de vários estados ali, reunidos no mesmo lugar. Como a Ariani Malouf, chef do Mahalo, de Cuiabá (MT), casa que acaba de ser premiada como o melhor restaurante da região centro-oeste pela Prazeres da Mesa.

E tem muito mais chef bom: Leonardo Paixão, do excelente Glouton, de Belo Horizonte, que traz barriga de porco glaciada com teriaki de cachaça e farofa crocante; Onildo Rocha, do Roccia, de João Pessoa, com seu famoso baião de dois; e até a paulistana Tássia Magalhães, do Pomodori, que servirá fusilli com ragu de linguiça, pancetta e polvo. Sem contar petiscos tentadores, como o bolinho de feijoada, da chef Kátia Barbosa, do Aconchego Carioca, do Rio de Janeiro; e o sanduíche de pernil com molho kryptonita (maionese e salsão), de Jaques Borges, do Balcão do Mané, em Florianópolis.

Bolinho de feijoada, da chef Kátia Barbosa, do Aconchego Carioca

Bolinho de feijoada, da chef Kátia Barbosa, do Aconchego Carioca

Quer mais? O Fartura terá cozinha ao vivo, aulas com chefs e profissionais da gastronomia (como Nina Horta, da Folha de S.Paulo, Isabela Raposeiras, do Coffee Lab) e um Espaço Degustação para o público conhecer métodos de preparo e degustar pratos típicos e exóticos de várias regiões do país, como a farofa e guisado de tartaruga, de Solange e Morubixaba (Macapá, AP), os cogumelos da Amazônia, apresentados pelo ótimo chef Felipe Schaedler, do Banzeiro (Manaus, AM) e a damurida e paçoca de carne de sol, da chef e jornalista Denise Rohnelt (Boa Vista, RR). Ah, e ainda haverá mercado com venda de produtos regionais, como a Goiabada da Zélia, de Ponte Nova (MG), os queijos de cabra do Capril do Bosque, em Joanópolis (SP) e a Cajuína e os produtos de caju do Cajuespi (Teresina, PI).

Ou seja, uma verdadeira viagem culinária num mesmo espaço. O ingresso custa R$ 20 (R$ 10 meia), para cada dia do evento – as comidas são pagas à parte em cada estande. No sábado, o Fartura vai das 12h às 22h e no domingo, das 12h às 20h.  

Festival Fartura São Paulo – Avenida Lineu de Paula Machado, 1263,Cidade Jardim, http://www.farturagastronomia.com.br/

 

Anúncios

Blondine promove amanhã open bar de cerveja

IMG_1685Amanhã vai rolar open bar de cerveja! A cervejaria Blondine faz 6 anos e vai comemorar com uma Rocksfest em Itupeva com – atenção aqui, por favor – open bar de cerveja. #morri. São 12 torneiras no bar de fábrica e chopeiras distribuídas pelo pátio da Blondine. Ou seja, 30 torneiras entre chopes Blondine e das 15 cervejarias convidadas servidos o tempo inteiro. Ah, e todo mundo leva pra casa uma caneca de vidro e uma garrafa de 500 ml da nova cerveja Rockfest. O evento ainda inclui shows de rock (claro!) e água sem gás e água com gás lupulada, feita com lúpulo amarillo em flor. O preço é R$ 160. Haverá também comida, vendida à parte, como o Food Truck Pastel de Feira, o menu de comidinhas do chef Ronaldo Rossi e os doces sempre maravilhosos do chef Lucas Corazza, estrela do reality show Que Seja Doce, no GNT. A Rockfest rola apenas amanhã, 18 de junho, das 13h às 20h. Mais informações, inclusive de transporte, no Facebook do evento.

 

Começa a Negroni Week em 9 cidades brasileiras

negroniAtenção, fãs de negroni! Começa amanhã a Negroni Week, evento de 6 a 12 de junho em que vários bares do mundo todo destinarão parte da venda desse maravilhoso drinque a instituições de caridade. A iniciativa foi criada em 2013 pela Campari (um dos três ingredientes básicos do coquetel; os outros são gin e vermouth rosso), e só no ano passado arrecadou quase US$ 321.000. Este ano, o evento ocorre também em nove cidades brasileiras, como Rio, Recife, Salvador e Brasília – só em São Paulo há mais de 40 bares e restaurantes participando.

Heitor Marin, barman do Ici Bistrô, preparando um super negroni pro blogueiro aqui.

Heitor Marin, do Ici Bistrô, preparando um super negroni pro blogueiro aqui.

Na última segunda-feira, fui até o Ici Bistrô para o lançamento da Negroni Week e, além de tomar ótimos drinques preparados pelo barman Heitor Marin, conheci o lendário barman italiano Salvatore Caprese, também conhecido como o “Maestro”, com 50 anos de carreira e uma simpatia que não cabe no Coliseu de Roma. Ah, quem postar fotos do evento com a #negroniweek e marcar a Campari pode ganhar um mini barril da marca para envelhecer seu próprio negroni em casa (serão 100 mini barris).

O "maestro" Salvatore Caprese: 50 anos de coquetelaria

O “maestro” Salvatore Caprese: 50 anos de coquetelaria e muita simpatia

Entre os estabelecimentos participantes está o bar., especializado em gin, e que devo visitar na terça para provar as receitas de negroni especialmente criadas para essa semana, o SubAstor, o Frank e o Brown Sugar, onde tomei um ótimo negroni há dois meses. Saiba todos os estabelecimentos envolvidos e os detalhes da Negroni Week no site http://camparinegroni.com.br/