Café vira base de 8 drinques brasileiros

Paulista, o "coffeepolitan" brasileiro

Paulista, o “coffeepolitan” brasileiro

Você gosta de drinque com café? Sinceramente, tirando o irish coffee (à base de whisky) e russian coffee (à base de vodca), nunca fui um entusiasta. Hoje, no entanto, participei do Nespresso Friday e não só provei como preparei coquetéis que levam café… e cachaça! E ficaram bons! A ação faz parte da nova campanha da marca, pela primeira vez criada inteiramente no Brasil, Nespresso, com corpo e alma brasileiros. A campanha tem visual inspirado em cartões postais brasileiros (o Corcovado, a Ponte Estaiada etc.) e traz 8 drinques à base de café (claro!), criados pela equipe de baristas da marca, que homenageiam diversas regiões do país. A Nespresso aproveitou a ocasião para lançar a reedição do Fortíssimo Lungo (R$ 17, o sleeve com 10 cápsulas), que agora passa a ter intensidade 8 e novos grãos em sua composição.

Screen Shot 2014-05-16 at 6.34.46 PM

Samba: colorido, leve, divertido. Cadê a piscina?

Voltando ao drinques novos, tomei o Mineirinho (com licor de jabuticaba, cachaça e café), o Paulista (espécie de Cosmopolitan, porém com café) e até o Planalto (uma versão do Alexander, com Jack Daniels e café). Um dos que eu preparei foi o Samba, homenagem ao Brasil como um todo, drinque colorido e divertido de beber – só faltou mesmo uma piscina! A receita é bem facinha. Confira como como fazer abaixo. A partir de 2 de junho, as 8 receitas estarão disponíceis no canal You Tube da Nespresso.

Continuar lendo

Anúncios

Faça as caipirinhas das cidades-sedes Copa 2014

foto 1Desde que publiquei o post sobre o Cardápio da Torcida do Brasil a Gosto, vários leitores deste blog me pediram a receita das caipirinhas, criadas pela chef Ana Luiza Trajano para acompanhar os petiscos. E não é que ela liberou? E o melhor: são muito simples de preparar. Vamos lá?

Fortaleza/ Recife
70 ml de cachaça Santo Grau (ou outra de sua preferência)
5 unidades de seriguela
50 gramas de polpa de tamarindo
10 ml de xarope de açúcar (veja receita abaixo)
Gelo a gosto

Numa coqueteleira, dê uma leve macerada na seriguela. Adicione todos ingredientes e o gelo. Agite para misturar. Coloque num copo largo e guarneça com uma fatia fina de limão.

Screen Shot 2014-05-07 at 10.56.15 AMSalvador/ São Paulo
70 ml de cachaça Santo Grau
1 limão rosa (pode colocar outros, como cravo ou taiti)
3 rodelas de pimenta dedo de moça (sem as sementes)
10 ml de xarope de açúcar (veja receita abaixo)
Gelo a gosto

Corte os limões em rodelas, coloque numa coqueteleira e esmague de leve, apenas para liberar um pouco do suco. Adicione todos ingredientes e o gelo. Agite para misturar, coloque tudo num copo largo e beba!

Receita do xarope de açúcar
1 kg de açúcar
1 l de água
Misture e ferva em fogo brando por 2 horas. Espere esfriar bem e use nos drinques. Você também pode preparar e estocar na geladeira.

Torcedor da Copa ganha menu de petiscos no Brasil a Gosto

foto 1Depois de trazer receitas dos quatro canto do país pra mesa do seu Brasil a Gosto, a chef Ana Luiza Trajano foi buscar inspiração para um novo menu numa das maiores paixões dos brasileiros: o futebol. Ou melhor, os petiscos e guloseimas que o torcedor come em torno dos estádios que frequenta. O resultado é o ótimo Cardápio da Torcida, que já está sendo oferecido no seu restaurante desde abril.

 

foto 4Desde fevereiro, Ana percorreu as 12 cidades-sedes dos jogos da Copa 2014 para pesquisar. A investigação virou também um programa de TV apresentado pela própria chef, o Fominha, exibido pelo canal pago GNT, falando dessas receitas. O menu temático será servido em três fases no restaurante, abordando quatro cidades-sedes por mês. Até dia 11 de maio, está “em cartaz” a primeira fase. Além do acarajé de Salvador ($ 29), na foto acima, um dos destaques é o delicioso cachorro-quente de moela (R$ 29), servido com farofa de ovo de cordorna, homenagem da chef a Recife.

foto-2Também vem do Nordeste a terceira cidade-sede dessa fase do menu: Fortaleza, representada por coxinha de macaxeira recheada de charque, catupiry e jerimum. Acompanha uma inusitada panelinha de tripa – sim, tripa, mergulhada num molho delicioso e servida com torradinhas (R$ 29).   foto 2Fecha a lista de petiscos a cidade de São Paulo, com esse inusitado canudinho (R$ 29), que remete aos cannoli vendidos na Mooca, porém feito com massa de pastel. O recheio é de pernil desfiado e catupiry. Sim, sensacional.   foto 5Para acompanhar as iguarias, a chef também criou caipirinhas especiais (R$ 18, cada), feitas com cachaça Santo Grau, uma receita para cada par de cidades-sedes. A Fortaleza-Recife leva tamarindo e seriguela. Já a Salvador-São Paulo (abaixo) é feita com limão e pimenta.   foto 3Quem quiser experimentar de tudo, como eu fiz, pode pedir o menu degustação, que custa R$ 99. E não vejo a hora para provar a próxima fase do Cardápio da Torcida. Ah, em dias de jogo, a casa exibirá a partida e criará um “combo” com outros petiscos. Quando eu tiver mais detalhes, informo. Torcer assim é mais gostoso. Brasil a Gosto – R. Prof. Azevedo Amaral, 70, Jd. Paulistano, tel. (11) 3086-3565, www.brasilagosto.com.br

Veloso comemora 9 anos com carta especial de caipirinhas

Wellington Nemeth

Brasil a Gosto, Carlota e Mocotó (da esq. para a dir.): a carta de caipirinhas exclusivas para o aniversário do Veloso vai só até domingo.

O bar Veloso, famoso pela premiada coxinha de frango com catupiry (R$ 24/ seis unidades), acaba de completar nove anos. Para comemorar a data, a casa vai celebrar outra estrela do bar: o também premiado barman Souza (na foto abaixo), que prepara as igualmente famosas caipirinhas da casa. Até 6 de abril (domingo), Souza vai servir uma carta especial de 5 caipirinhas criadas por 5 chefs, exclusivamente para a ocasião. E mais: a Pirassununga lançou uma garrafa exclusiva da cachaça Janaína, com rótulo comemorativo Veloso, que pode ser comprada ali (R$ 25).

Wellington NemethTodas as caipirinhas comemorativas são preparadas com a cachaça Janína e cada uma sai por R$ 17 – exceto a “Ici Bistrô”, que custa R$ 24. Confira o menu: caipirinha “Brasil a gosto”, de Ana Luiza Trajano: cachaça, siriguela, cajá, gengibre e capim-santo; caipirinha “Carlota”, de Carla Pernambuco: cachaça, romã, limão-siciliano e um toque de morango; caipirinha “Ici Bistrô”, de Benny Novak: cachaça, uísque americano, lima-da-pérsia, laranja-baía e angostura; caipirinha “Attimo”, de Jefferson Rueda: cachaça, compota de tomate, melancia, manjericão, vinagre e um bacon crocante para decorar; caipirinha “Mocotó”, de Rodrigo Oliveira: cachaça, limões taiti, cravo e siciliano e melaço. Parabéns ao Veloso e vamos comemorar bebendo!

Veloso – Rua Conceição Veloso 56, Vila Mariana, tel. (11) 5572-0254, velosobar.com.br.

Cachaça muito bem acompanhada

lulasMal cheguei de férias e já me atirei numa degustação muito especial: quinta-feira fui ao Marakuthai provar o menu especial que a chef Renata Vanzetto criou para a 4ª edição do festival Fogão e Alambique. O evento é realizado todos os anos pela pela Indústria de Bebidas Pirassununga, produtora de Cambraia e Terra Roxa, e promove a harmonização da cachaça com receitas criadas por chefs. Este ano, o festival vai de 8 de novembro a 7 de dezembro, no Marakuthai. Além do menu fechado a R$ 95 (com entrada, prato principal e sobremesa, cada um harmonizado com um drinque à base de cachaça), a chef ainda criou dois petiscos realmente deliciosos feitos com as cachaças. E você pode combinar com caipirinhas. Pra mim a melhor foi a panelinhas de lula flambada na cachaça com alho, ervas e cebola roxa, acompanhada de pão feito com Cambraia 3 Anos (R$ 35). O drinque? Caipirinha limão-cravo, melaço de gengibre, conhaque e Cambraia 3 Anos (R$ 19). Quer ver o menu e outros petiscos? Leia abaixo.
Continuar lendo