Nova casa serve super café da manhã o dia todo

Rabanada de brioche com calda de laranja e Grand Marnier: provavelmente a melhor que já comi - e por R$ 8

Rabanada de brioche com calda de laranja: provavelmente a melhor que já comi – e por R$ 8

Eu adoro café da manhã. Ok, ultimamente, essa refeição tem se reduzido a um copão de suco verde (querem a receita?), uma crepioca e uma fatia de queijo branco. Mas quando a gente está com tempo, quer coisa mais gostosa do que aquele café da manhã farto, com ovos, pão, croissant, doces, geleias e até um coquetelzinho de espumante? A boa nova é que acaba de abrir um lugarzinho muito fofo que serve essas delícias e não esfola seu bolso. É o Sweet Café, no Jardim Paulista, comandado pelo chef confeiteiro Arnor Porto. Baiano de Ibicaraí, Porto começou como auxiliar de confeitaria na cozinha do hotel Copacabana Palace; anos depois assumiu a confeitaria do hotel Emiliano, em SP, e hoje tem a empresa Sweethings, que fornece doces para restaurantes e ministra cursos, em sociedade com a empresária Ana Gabriela Borges.

Ovo do chef, com queijo de cabra (R$ 16): uma nuvem de macio

Ovo do chef, com queijo de cabra (R$ 16): uma nuvem de macio

Na charmosa casa, Arnor e sua equipe servem café da manhã (a la carte e também combos) e pratos para almoço. Mas atenção a essa notícia: servem café da manhã… o dia inteiro! Se você cismar de comer omelete, suco de laranja e rabanada às 4 da tarde, tudo bem! Aliás, falando em rabanada (R$ 8), essa certamente foi uma das melhores que já comi na vida: a french toast de Arnor é um quadrado alto de brioche, embebido em creme de leite, licor Amaretto, ovos e açúcar, e apenas selado com manteiga numa frigideira bem quente. Ah, e chega à mesa com uma calda de laranja e Grand Marnier. Podia almoçar isso.

Omelete de queijo com bacon crocante (R$ 17)

Omelete de queijo com bacon crocante (R$ 17)

Aliás, comece mesmo pelos ovos. O mais leve é o ovo do chef com queijo de cabra (R$ 16), mas também tive ótimo momentos com a omelete de queijo com bacon (R$ 17), praticamente um pacote gordinho e fofo de ovos, com interior cremoso e úmido. Acompanha pão, mas fiz questão de provar o croissant (R$ 9) da casa e me dei bem: é daqueles beeem crocantes, que fazem até barulhinho quando você dá uma mordida. Dá pra comer sem nada, mas meti manteiga e geleia artesanal da casa, porque eu não fui ali pra brincadeiras.

Croque monsieur com toque cítrico do molho de laranja (R$ 16)

Croque monsieur com toque cítrico do molho de laranja (R$ 16)

Há também opções para almoçar, como quiche com salada (R$ 25), tapioca caprese com salada verde (R$ 20), o prato do dia (R$ 35) e até menu executivo (R$ 48), que inclui uma das maravilhosas sobremesas. Mas o item que me chamou atenção é o croque monsieur (R$ 16), que vem com uma saladinha e redução de molho de laranja (se pedir o croque madame, com ovo, custa R$ 18).

Eclair de baunilha com chocolate branco, framboesa e caramelo (R$ 8)

Eclair de baunilha com chocolate branco, framboesa e caramelo (R$ 8)

Nos combos de café da manhã, tem o relax (R$ 30), com frutas fatiadas, croque monsieur ou madame e suco; o enjoy (R$ 50), com tudo acima mais ovo do chef ou omelete e rabanada ou panqueca (ou tapioca de goiaba); e o carp diem (R$ 110), com tudo acima mais muffin, iogurte, granola, croissant, mel, sobremesa surpresa e um drinque (pode ser mimosa, bellini, aperol spritz, blood mary etc.). Este é para fortes e famintos, ou para duas pessoas dividirem tudo.

Detalhe do charmoso café. Ah, também tem mesinhas fora

Detalhe do charmoso café. Ah, também tem mesinhas do lado de fora.

Ah, não deixe de dar uma boa olhada na vitrine de doces (que vão de R$ 8 a R$ 11), com as deliciosas éclairs, cheesecakes e a incrível torta de pera. E também tem opções de vinhos e espumantes. Mas atenção pros horários: o Sweet Café abre de terça a domingo, das 8h às 18h. Agora vá lá, se jogue e seja feliz comendo rabanada!

Swet Café – Rua Cristiano Viana, 72, Jardim Paulistano, tel. (11) 2925-2655, www.sweethings.net.br

 

Anúncios

Ruanda e México nas xícaras da Nespresso

nespressosNa semana passada a Nespresso lançou dois cafés da linha Edição Limitada, ambos 100% Arábica, mas de culturas cafeeiras bem distintas e distantes. Um deles é o Umutima wa Lake Kivu (e as atendentes das lojas já sabem pronunciar esse nome complicado como se dissessem “cafezinho”). O blend vem de Ruanda, país da África Centro-Oriental que tem investido no renascimento da indústria cafeeira como uma das fontes para reerguer sua economia. Eu adorei o sabor desse Umutima, um café doce e bem frutado, com intensidade 6. E o melhor: pode ser preparado como espresso (40 ml) ou longo (110 ml), sem perder suas propriedades. Adoro versatilidade.
O outro blend vem do México: o Tanim de Chiapas é cultivado em solo vulcânico e tem um sabor que lembra pão tostado e frutas secas. O blend mexicano tem intensidade 7 e também é flex: pode ser degutado como espresso ou ristretto (25 ml). As cápsulas supercoloridas dos dois novos cafés custam R$ 2,50 (ou R$ 25 a caixinha com 10 unidades).

www.nespresso.com.br

Vamos almoçar melhor? Hoje, a comida caseira do Alice Café

costelaNa minha busca por lugares diferentes (e legais) para almoçar, acabei indo parar no Alice Café, por sugestão da véia Katsuki, que mora lá pertinho. O simpático local é do chef Marcio Kimura, do Friccò, e serve salgados, doces e duas sugestões de prato para o almoço, por R$ 18. No dia em que fui, escolhi uma saborosa costelinha de porco assada, com arroz de ervas e maçã. A antes ainda vem uma saladinha. A outra opção era espaguete com molho de tomate com azeitonas e mussarela de búfala. Tudo gostosinho, com jeito de comida de avó.

 

foto 1Funciona assim: você pede no caixa, paga, pede sua bebida e vai para a mesa, esperar te chamarem pra buscar o prato no balcão. Se só quiser tomar água, pode beber direto das garrafas coloridas que estão na mesa – e a água é de graça.

 

foto 2Não deixe de comer um dos salgados de forno, como o pão de queijo ou o pãozinho recheado de requeijão e azeitonas (R$ 4), que é aquecido na hora em que você pede. Se quiser, também há sanduíches, como o de pernil (R$ 14), de cogumelos (R$ 14) ou o de pesto com queijo (R$ 10).

 

foto 4Formiga que sou, não deixei de provar a sobremesa. No caso, um bolo crumble de maçã (R$ 4) que estava provocando do balcão desde que cheguei. Ah, eles também tem bolo de chocolate sem glúten e sem lactose, por R$ 6 a fatia.

 

foto 5A véia japa, que não é besta, matou a refeição com esse waffle com geléia de frutas vermelhas (R$ 5). A massa é daquelas mais finas e tostadinhas. Dá pra comer na boa. Principalmente se acompanhado do gostoso espresso da casa, o Bike Café (R$ 3,50) que destina 10% do faturamento para apoiar projetos sociais relacionados à bicicleta promovidos pelo da ONG Aro Meia Zero.

Alice Café – Rua Cubatão, 305, Paraíso, tel. (11) 3052-3447

Café vira base de 8 drinques brasileiros

Paulista, o "coffeepolitan" brasileiro

Paulista, o “coffeepolitan” brasileiro

Você gosta de drinque com café? Sinceramente, tirando o irish coffee (à base de whisky) e russian coffee (à base de vodca), nunca fui um entusiasta. Hoje, no entanto, participei do Nespresso Friday e não só provei como preparei coquetéis que levam café… e cachaça! E ficaram bons! A ação faz parte da nova campanha da marca, pela primeira vez criada inteiramente no Brasil, Nespresso, com corpo e alma brasileiros. A campanha tem visual inspirado em cartões postais brasileiros (o Corcovado, a Ponte Estaiada etc.) e traz 8 drinques à base de café (claro!), criados pela equipe de baristas da marca, que homenageiam diversas regiões do país. A Nespresso aproveitou a ocasião para lançar a reedição do Fortíssimo Lungo (R$ 17, o sleeve com 10 cápsulas), que agora passa a ter intensidade 8 e novos grãos em sua composição.

Screen Shot 2014-05-16 at 6.34.46 PM

Samba: colorido, leve, divertido. Cadê a piscina?

Voltando ao drinques novos, tomei o Mineirinho (com licor de jabuticaba, cachaça e café), o Paulista (espécie de Cosmopolitan, porém com café) e até o Planalto (uma versão do Alexander, com Jack Daniels e café). Um dos que eu preparei foi o Samba, homenagem ao Brasil como um todo, drinque colorido e divertido de beber – só faltou mesmo uma piscina! A receita é bem facinha. Confira como como fazer abaixo. A partir de 2 de junho, as 8 receitas estarão disponíceis no canal You Tube da Nespresso.

Continuar lendo

Nespresso lança nova máquina mais bonita e mais barata

inissa1Quando ganhei minha primeira máquina da Nespresso, uma Pixie vermelha, fiquei tão feliz com o desempenho e design que nunca pensei em trocar. Sempre achei que se ela quebrasse de vez, trocaria por outra Pixie. Agora, pela primeira vez, meu coração balançou por um novo modelo de máquina da Nespresso. Trata-se da Inissa, lançanda pela marca no mês passado. O design lembra muito o da Pixie, porém com linhas são mais “secas”, um pouco mais minimalista. É também a máquina mais leve da linha: 2,4 kg.

inissa2Outra mudança de padrão está nas cores. Ao invés das tradicionais duas opções de cores de cada máquina da marca, a Inissa vem em vermelho-rubi, branco, preto e uma série limitada Blue Sky, que eu adorei. As funções são as mesmas: a máquina alcança a temperatura ideal para extração do espresso em 25 segundos; há dois botões para a opção de tamanhos pré-programados da dose; desliga automaticamente após 9 minutos sem uso. E o melhor, o preço: R$ 369 (a Pixie, por exemplo, custa R$ 545). Dá pra comprar a Inissia nas lojas da Nespresso ou no site. Ok, eu ainda ficarei muito tempo com a minha vermelhinha, mas se um dia precisar… já sei qual ficará no lugar.

Dicas de presentes de Natal pra fãs de gastronomia

chandonSem ideia do que levar na casa da sua tia na ceia de Natal? Surgiu um presentinho de última hora e você não sabe o que dar? Veja aqui algumas dicas que certamente agradarão quem gosta de comidas, bebidas e coisas boas da cozinha – e do bar.
Essa, por exemplo, é uma boa dica tanto pra dar de presente como pra chegar a uma festa arrasando. É nova versão limitada da Chandon Passion (R$ 62), com rótulo psicodélico e super colorido, criado pela empresa de design La Stampa. A bebida? Levemente adocicada, com toques de lichia, rosa, maracujá e pêssego. Ótima pra tomar com duas pedras de gelo (sim!), principalmente à beira da piscina. Natal tropical luxo! (www.chandonpassion.com.br)

panetone brazEsse é um dos meus favoritos, o panetone da pizzaria Bráz (R$ 59). E olha que nem sou fã de chocotone – prefiro mil vezes a receita tradicional, com frutas cristalizadas no recheio. Mas essa delícia da Bráz vem na medida, massa macia, recheada com gotas de chocolate e pedacinhos de laranja, com cobertura docinha de amêndoas. E não é por nada, mas a lata estilo retrô ainda é uma belezura. (www.brazpizzaria.com.br)

Dona DeÙla P„o de NatalA tia Célia e tia Edith vão amar esse pão de Natal  (R$ 34,90/ kg), lançado este ano pela Dona Deôla, feito a partir de fermentação natural e recheado de nozes. Quer ficar no panetone? A rede lançou novidades, com recheio de mousse de chocolate branco e duo de limao, em diferentes tamanhos (desde o mini) e preços de R$ 9,90 a R$ 44,90. (www.donadeola.com.br)

livro cevicheOlha que presente bacana pra quem gosta de gastronomia: o livro Ceviche: do Pacífico para o Mundo (R$ 64,90, Ed. Senac) acaba de ser lançado pelo chef Dagoberto Torres (do restaurante Suri) e sua mulher, a jornalista de gastronomia Patricia Moll. A dupla conta a história desse prato, presente na culinária Andina há quase dois séculos, e dá dicas de preparo, além de receitas e fotos lindas. E olha, tudo BEM fácil de fazer, viu? (www.editorasenacsp.com.br)

MartinsCafé_acid_velvet-1Café de presente de Natal? Esse vale a pena – e certamente vai impressionar os aficionados pela bebida. São os dois novos microlotes lançados pela Martins Café, com predominância de ácidos fosfórico e lático, característica rara nos cafés produzidos no Brasil. O Velvet Touch, como o nome diz, tem um toque ácido aveludado, com notas florais, frutas secas e mel. Ótimo pra começar o dia, aliás. Ja o Acid Lover surpreende pela acidez marcante, adocicada, e toques achocolatados. O combo com duas latas de 250 g sai por R$ 79,90 e só pode ser comprado no site – e a torra é feita depois da compra, pra garantir que chegue fresco. Ou seja, corra! (www.martinscafe.com)

fotoEsse foi outro panetone que provei e adorei: o do Fasano (R$ 75/ kg). A receita, dizem, foi trazida pelo próprio Vittorio Fasano em 1902, quando ele saiu de Milão e veio para il Brasile. A receita é tradicional, tem bastante fruta cristalizada, cobertura de amêndoas, massa elástica e saborosa, com aroma bem marcante. Cheirinho de Natal, mesmo. (www.fasano.com.br)

capa livroMais um livro gostoso pra quem curte uma cozinha:  Le Vin Bistro – Histórias & Receitas (R$ 53), escrito pela minha querida colega, a jornalista Elaine Guerini. Em 166 páginas, ela conta os origens do termo bistrô e dos pratos clássicos da culinária francesa, como cassoulet, coq au vin,  steak tartare e tarte tatin. Também narra a trajetória dos 13 anos do Grupo Le Vin e traz 43 receitas. As fotos são do Tadeu Brunelli e as ilustrações, do estúdio Oda. (www.levincom.br)

Novo blend Nespresso junta chocolate e frutas vermelhas

nespresspE já tem blend novo da Nespresso à venda. É o Ciocorosso, um variation edição limitada que tem notas de chocolate meio amargo e frutas vermelhas (a base é o Livanto). A caixa com 10 cápsulas custa R$ 25. O legal é que dessa vez o aroma foi escolhido pelos próprios clientes, numa votação online em todo o mundo. No Brasil, o Ciocorosso teve 56% dos votos. Em segundo lugar empataram os outros dois aromas, Liminto (limão e hortelã) e Massala chai (chai com especiarias). Achei o Ciocorosso um blend divertido, bom pra acompanhar uma sobremesa ou fazer uma bebida diferente –  cheguei a preparar um cappuccino, com espuma de leite levando um toque de cranberry. Podem me julgar que nem ligo.
www.nespresso.com

Nespresso lança cafés com aromas de baunilha, chocolate e caramelo

nespressoQuem gostou da última série Variations, da Nespresso (cafés com aromas de coco, avelã e macadâmia), vai adorar os novos blends da marca: Vanilio, Ciocattino e Caramelito. Na verdade, os três grand crus já apareceram em série especial e agora voltam na linha permanente. Todos têm como base o grand cru Livanto e são aromatizados com baunilha, chocolate amargo e caramelo, respectivamente. Veja bem, não têm sabor doce, apenas aroma adocicado. São ótimos para compor um cappuccino ou latte macchiato – ou apenas como um expresso de 40 ml. Meu preferido é o Caramelito, perfeito para acompanhar uma sobremesa no fim da refeição. Cada caixa com 10 cápsulas custa R$ 22. Veja abaixo uma receita com Vanilio que serve como sobremesa e bebida ao mesmo tempo.

vanilioVafé Liègeois Vanilio

Ingredientes:
2 espressos de 40ml. de Vanilio
1 concha d sorvete de baunilha
3 colheres de sopa de espuma de leite quente
2 colheres de chá de calda de caramelo
1 colher de chá de lascas de chocolate

Modo de fazer:
Prepare a espuma de leite (com o bico de vapor da máquina ou com o espumador Aeroccino), acrescente a calda de caramelo e reserve. Prepare os dois expressos e despeje em uma xícara grande e gelada. Acrescente imediatamente a concha de sorvete, cubra com a espuma de leite e decore com as lascas de chocolate.

www.nespresso.com

Itália é a inspiração dos novos blends e máquinas Nespresso

Nada de vin santo: deguste seu cantucci tomando um Trieste

Nada de vin santo: deguste seu cantucci tomando um Trieste

Alô, fãs de café: já estão à venda os dois novos blends de edição limitada da Nespresso. Dessa vez, a inspiração é a Itália, que nunca produziu um grão de café em sua movimentada história, mas consome oceanos na bebida e deixou para o mundo dois conceitos fundamentais do café: expresso e cappuccino. O primeiro blend é Trieste, uma homenagem ao antigo porto ao norte da Itália, por onde o café passava a caminho de Viena. É um 100% arábica, com cafés do Brasil (doçura, cereais), Colômbia (acidez, frutas), Peru (frescor, ervas) e Etiópia (leveza, flores). Intensidade 9, realmente fresco na boca, com rápido retrogosto amargo (nada agressivo). Achei um café equilibrado. Diria até bem educado. Vamos ao outro:

Continuar lendo

Novo blend da Nespresso é ótimo para o café da manhã

nespressoHoje começou a ser vendido o novo grand cru da Nespresso, o Linizio Lungo. E acreditem, mal a loja tinha aberto e estava eu lá comprando. Sem eu saber ainda, meu momento consumista matutino teve tudo a ver com o novo café: o nome vem do italiano inizio (início, começo) e é um blend perfeito para o café da manhã – e cápsula laranja remete ao nascer do sol. A bebida, feita com uma nova variedade de grão de café Arábica da Colômbia, tem notas doces, não é nada amarga e lembra de leve cafezinho caseiro. Não costumo colocar leite, mas a simpática mocinha da Nespresso me fez provar o café puro e depois com um tiquinho de leite: as notas de caramelo pulam na boca – e olha que não adocei o café (aliás, nunca adoço). E ainda tive a audácia de degustar com pedacinhos de croissant, oferecidos pela vendedora (que depois dessa quase virou minha melhor amiga de infância). Como o nome diz, Linizio Lungo é para o preparo é longo (110 ml), mas também pode ser tomado curto (30 ml). A ótima notícia: não é um daqueles blends de edição limitada. O Linizio entrou para a linha normal da loja e custa R$ 17, a caixa com 10 cápsulas). Comprei duas. Não me julguem, eu adoro café da manhã. Agora eu talvez até coloque leite…

Nespresso Brasil: SAC 0800 7777 737, www.nespresso.com