Leitor do blog pode ganhar um jantar na 4ª Settimana Italiana

O chefe italiano Pasquale Palamaro, que fará menu no Maremonti na 4ª Settimana Italiana

O chefe italiano Pasquale Palamaro, que estará no Maremonti na 4ª Settimana Italiana

Olha só que bacana: de 24 a 31 de outubro, vai rolar aqui a 4ª Settimana della Cucina Regionale Italiana, quando 20 restaurantes de São Paulo recebem chefs italianos para criar menus exclusivos a preços fechados – e cada um deles faz homenagem a uma das regiões da Itália. E um leitor do blog pode ganham um jantar para dois no Maremonti Jardins, que vai homenagear a Campania com o chef Pasquale Palamaro, do premiado Indaco. A ITA (Italian Trade Agency), organizadora da Settimana Italiana, está oferecendo essa cortesia para os leitores do blog e seguidores do meu Instagram.

Espaguete napolitano com ragu de polvo e tomate cereja

Espaguete napolitano com ragu de polvo e tomate cereja

E como faz para participar? Fácil: entre os dias 10 e 17 de outubro de 2015, poste no seu Instagram uma foto de um prato ou de uma viagem que remeta à Itália. Você não precisa ter ido até lá, mas escolher uma foto sua que represente a Itália. Importante: para concorrer, você precisa seguir o Instagram da @ita.brasil; na hora de postar, coloque a hashtag #SettimanaItaliana; e marque meu Instagram @jrferraro – caso contrário não tenho como saber que a foto está lá.

Pudim leve de abobrinhas com camarão no vapor e vela de pão de pizza

Pudim leve de abobrinhas com camarão no vapor e vela de pão de pizza

Não é sorteio! É um concurso cultural: vence quem postar a foto mais legal que remeta à Itália. Então, capriche! O vencedor ganha um jantar para duas pessoas, mais uma taça de espumante, no Maremonti (veja endereço abaixo; a cortesia não inclui outras bebidas, nem os 10% do serviço).

Quem quiser saber mais informações sobre evento, e as outras casas que participam, dê uma olhada no site da Settima Italiana ou na página da ITA Brasil no Facebook.

Capriche na foto e boa sorte.

Maremonti Jardins – Rua Padre João Manuel, 1160, Jardins, tel. (11) 3085-1160

Anúncios

Holy Burger abre hoje, mas já provei e adorei

Saint Gorgon: uma das estrelas do novo Holy Buger

Saint Gorgon: uma das estrelas do novo Holy Buger

Ontem interrompi uma dieta (não riam, eu faço dieta de vez em quando!) por uma nobre razão: provar o hambúrguer do meu querido Gabriel Prieto, companheiro de jornadas gastronômicas há uns bons 7 anos. Explico: Gabriel é sócio de uma nova casa de hambúrguer da cidade, o Holy Burger, que abre hoje em Santa Cecília (na mesma rua do meu querido Tabuleiro do Acarajé). O Holy existe há um ano, surgiu de um projeto social de Gabriel e alguns amigos, ganhou fama em eventos como Feirinha Gastronômica,  agora ganhou endereço próprio e virou hamburgueria.

IMG_7658A pequena casa (26 lugares), com estilo rústico, lembra um pub irlandês, com ambiente simpático e um balcão que segue por quase todo o salão. Os burgers? São seis opções, todos de 160 g, e acompanhamentos variados. Provei o Saint Gorgon (R$ 25), uma feliz combinação de gorgonzola, cebolas caramelizadas e apimentadas, folhas crocantes de agrião e maionese caseira, com pão preto (muito gostoso e macio). A carne (uma mistura de peito, acém e costela) veio no ponto certo, suculenta e saborosa.

 

IMG_7677Aliás, com exceção dos pães, tudo é feito na casa, inclusive a docinha pink lemonade (R$ 8), que repousa em um enorme garrafão atrás do balcão, marinando folhas de hortelã. Provei também as fritas rústicas (R$ 12), com maionese temperada da casa, mas ainda quero experimentar as onion rings (R$ 18). Entre as outras opções de burguer, tem desde o cheese burger (R$ 19), que vem com um pouco de molho de tomate; passando pelo Original (R$ 25), com bacon e cheddar; até o Jelly (R$ 23), com queijo brie e geléia de frutas vermelhas (feita ali). Ah, também tem um vegetariano (R$ 15), de abobrinha, cenoura e cebola roxa, com cogumelos salteados e picles, no pão de grãos.

 

Gabriel e seus hambúrgueres

Gabriel e seus hambúrgueres

O Holy também tem uma carta com 15 rótulos de cervejas nacionais e importadas, e duas sobremesas: pudim de leite condensado na latinha (R$ 12) e cheesecake com calda de frutas vermelhas (R$ 12) – mas infelizmente ontem não estavam servindo. Ou seja… terei de voltar! Oh sacrifício… Ah, durante a semana, o Holy abre só à noite, a partir das 18h, e meio-dia aos sábados.

 

Decór rústico, com toques divinos: afinal, é Holy!

Decór rústico, com toques divinos: afinal, é Holy!

Holy Burger R. Dr. Césario Mota Jr., 527, Sta. Cecília, tel. (11) 4329-9475

As 10 sobremesas top de restaurantes de São Paulo

mil folhas zuccoMil-folhas com morango, do Zucco
Sou fã de mil-folhas, mas dificilmente encontro um bom em restaurantes. Esse do Zucco é uma radiante exceção: as camadas da massa crocante são recheadas com creme mascarpone, na doçura correta. Completando o pacote, finas fatias de morango e creme de baunilha. O preço: R$ 21.
(Rua Haddock Lobo, 1416, Jardins, tel. (11) 3897-0666)

 

churrosChurros com doce de leite, do Pobre Juan
Pense em churros muito crocantes, quentinhos, com o interior macio e fumegante. Daí pense numa taça de doce de leite Havanna, bem cremoso e morno. Mergulhe o churro na taça e coloque na boca. Pronto, felicidade existe e custa R$ 19,40.
(Rua Tupi, 979, Higienópolis, tel. (11) 3825-0927 e outros endereços no www.pobrejuan.com.br)

 

palitos coalhoPalitos de queijo de coalho com goiabada, do Aconchego Carioca SP
Parece um pestisco, mas é sobremesa – e das mais gostosas e brasileiras. Palitos grossos de queijo coalho chegam assim, fritos, sequinhos, arrumadinhos como uma fogueira. Acompanha uma porção de goiabada cremosa, bem pedaçuda. É só juntar os dois e viajar nessa delícia. Custa R$ 18.
(Al. Jaú, 1372, Jardins, tel. (11) 3062-8262)

 

cheesecake bananaCheesecake de banana, do Bagatelle
Taí uma ótima reedição de um clássico: a massa de queijo mesclada à banana repousa geladinha sobra uma crosta de gengibre. Por cima, tenros nacos da fruta brûlée, com aquela calda besuntando tudo. O preço é R$ 18.
(R. Padre João Manuel, 950, Jardins, tel. (11) 3062-5048, www.bistrotbagatelle.com.br)

 

pistachePudim de pistache, do Loi
É mais que um pudim. É um retângulo perfeito, com forte cor de caramelo no topo, massa amarelo-esverdeada e base verdinha. A massa é super cremosa, daquelas que quase derretem ainda na colher, com aquele gostinho marcante do pistache. O doce ainda é coberto por uma calda caramelo e vem com uma telha de açúcar espetada e pistaches crocantes ao redor. Custa R$ 32.
(Rua Melo Alves, 674, Jardins, tel. (11) 3037-7323)

 

mousseMousse de chocolate, do La Cocotte
Reza a lenda que a receita é da mãe do chef Erick Jacquin. Parabéns pra maman Jacquin, então. A mousse poderosa chega à mesa em porção generosa, com sabor bem intenso de chocolate, sem exageros de doçura, quase uma espuma consistente, escura e deliciosa. Custa R$ 16,99.
(Al. Ministro Rocha Azevedo, 1.153, tel. (11) 3081-0568, www.lacocotte.com.br)

 

pudim taioca mocotoPudim de tapioca com coco queimado, do Mocotó
São tantas as boas doçuras do Mocotó que parece até injusto escolher apenas uma. Mas o chef Rodrigo Oliveira caprichou ainda mais nesse pudim. A massa de leite de coco, creme de leite e tapioca é rica em texturas, transformando-se numa pasta doce e saborosa na boca. Par perfeito para a cobertura de caramelo com flocos crocantes de coco queimado. O preço é R$ 11,90.
(R. Nossa. Sra. do Loreto, 1.100, Vila Medeiros, tel. (11) 2951-3056, www.mocoto.com.br)

 

cheesecake pjs2Cheesecake com frutas vermelhas, do PJ. Clarkes
Me apaixonei por esse clássico ainda em 2010, quando era editor da Época São Paulo e o elegemos o melhor da cidade. Pudera: é o perfeito equilíbrio entre a massa cremosa de queijo, a base crocante, que se esfarela deliciosamente. Tudo coberto por uma bela calda, espessa e generosa nas frutas vermelhas – nada de geleia ou economia de frutas. Custa R$ 17.
(P.J. Clarke’s Oscar Freire – Rua Oscar Freire, 497, Jardins, tel. (11) 2579-2765, www.pjclarkes.com.br)

 

ile flotant

Oeufs à la neige, do Le Vin
Outro clássico tão bem executado que é impossível ficar fora dessa lista. Os ovos nevados do Le Vin são a perfeição. A massa de claras super aeradas é grandona, de encher os olhos, bem banquinha e coberta com uma leve calda de açúcar queimado. Por baixo da esfera apetitosa, um laguinho de creme inglês, docinho, pronto para emprestar mais doçura e uma certa umidade às claras nevadas. Custa R$ 17.
Alameda Tietê, 178, Jardins, tel. (11) 3081-3924 e outros endereços no www.levin.com.br)

 

torta mirtilloTorta de mirtilo, do Fasano
A incrível base de farinha de amêndoas, açúcar e ovos contem um dos mais leves e sutis cremes de mascarpone que esse formigão profissional já provou. Por cima de tudo, mirtilos gordinhos e suculentos, salteados em conhaque, brincam alegremente a cada mordida. O preço: R$ 35.
(Rua Vittorio Fasano, 88, Jardins, tel. 
(11) 3062 4000, www.fasano.com.br)

4ª SP Burger Fest terá 70 casas e quase 130 versões do sanduíche

Criação do BOS BBQ: hambúguer de black angus com molho barbecue com Jack Daniels, mussarela e pão de brioche. Incui fritas e custa R$ 34

Jack Blac, criação do BOS BBQ: hambúguer de black angus com molho barbecue com Jack Daniels, mussarela, bacon defumado em pão de brioche. Incui fritas e custa R$ 34

Fãs de hambúrguer, preparem seus corações! Começa hoje a 4ª edição do SP Burger Fest – e dessa vez são 70 (repetindo, se-ten-ta) restaurantes participantes. Como alguns têm mais de uma receita de Burger, pode contar aí quase 130 versões do nosso querido hambúrguer. Esta edição conta com o patrocínio do Ketchup Helmanns, Kibon, Bohemia e Wessel, e a estimativa é que sejam vendidos 70 mil sanduíches (cerca de R$ 5 milhões de receita). Haja carne!

 

Bacon Blue Cheese Burger, do Outback:  burgão de 200 g, com molho blue cheese e pedaços do queijo, tomate, alface, picles e bacon, servido com fritas (R$ 32,75 )

Bacon Blue Cheese Burger, do Outback: burgão de 200 g, com molho blue cheese e pedaços do queijo, tomate, alface, picles e bacon, servido com fritas (R$ 32,75 )

O festival vai de 16 a 31 de maio. Sim, eu disse que iniciava hoje porque daqui a pouco começa uma edição especial da Feirinha Gastronômica (na pça. Benedito Calixto, 85), das 12h às 22h, com diversas barracas especialmente dedicadas aos hambúrgueres (cada sanduba por R$ 20), além de uma barraca da Rota do Milk Shake Kibon, com shakes especiais a R$ 10. Fazem parte do evento casas como Marcelino Pan y Vino, PJ Clarke’s, BOS BBQ, La Maison est Tombée. Dias 21 e 28 haverá duas edições especiais da Feirinha do hambúrguer no novo espaço Food Park Butantã (Rua Agostinho Cantu, 34).

 

Do Capim Santo: hambúrguer de Frutos do Mar, no pão de ervas com chips de banana da terra (R$ 43)

Do Capim Santo, o inusitado hambúrguer de frutos do mar, no pão de ervas, acompanhado de chips de banana da terra (R$ 43)

Como eu disse, são quase 130 opções de receitas. Tem hambúrguer de pato, de atum, de vários cortes do boi, de frutos do mar e até burguer de tilápia! São tantos que nem sei ainda qual indicar – na verdade, ainda estou lendo a lista! O ideal é visitar a página do Facebook do SP Burger Fest ou o site Guia do Hambúrguer para escolher a casa e seu hambúrguer preferido. Aproveitem bem e me contem suas melhores escolhas!

Barraca de rua vende sanduíche japonês. Tem até de yakissoba…

Sanduíche de yakissoba no pão de hot dog. Será?

Sanduíche de yakissoba no pão de hot dog. Será que rola?

Já comeu sanduíche de yakissoba? Pois é, no próximo sábado, dia 17, essa será uma das iguarias servidas na 2ª edição do Comida da Rua, do restaurante Sakagura A1. Esse é um projeto do chef Shin Koike: dedicar um dia por mês à comida servida em barracas (em abril, mais de 200 pessoas provaram bolinhos de arroz recheados com tempurá de camarão e churrasco com molho japonês).

Sanduíche de tonkatsu (milanesa de porco) no pão francês: aí sim!

Sanduíche de tonkatsu (milanesa de porco) no pão francês: aí sim!

Achei bem  inusitado esse sanduba de yakissoba no pão de hot dog (R$ 12). Afinal, pao com macarrão não parece muito apetitoso, mas confesso que bateu curiosidade. As outras opções preparadas por Koike são mais a minha praia: sanduíches no pão francês recheados com tonkatsu (milanesa de carne suína) ou com frango e gobo (bardana), por R$ 15 cada opção. Na ocasião, será oferecido chope Heineken com preço promocional de R$ 5.

Sakagura A1 – Rua Jerônimo da Veiga, 74, Itaim, tel. (11) 3078-3883 https://www.facebook.com/SakaguraA1

Minato: o pequeno balcão com grandes surpresas

Oniguiri com porco: bonito e gostoso

Oniguiri com porco: linda apresentação e muito gostoso

Sábado do feriadão resolvi tirar um dos meus atrasos gastronômicos e, ao mesmo tempo, matar um pouquinho a saudade da minha viagem ao Japão, em outubro. (Sim, os post sobre ela estão quase prontos, aguardem!). Fui ao Minato Izakaya, pequena casa aberta em maio em Pinheiros pelos chefs Sergio Kubo (ex-Hideki) e Fabio Koyama (ex-Aoyama) e muito recomendada por amigos fãs da culinária japonesa. O esquema é mesmo de um izakaya (bar de petiscos, saquê e sochu): dois balcões paralelos, somando 20 lugares, e várias porções para compartilhar e acompanhar saques e sochus – além da sugestão de prato do dia. Acabei me divertindo muito, comendo bem e descobrindo um novo (pequeno) canto pra comer bem em São Paulo. Vem comigo que te mostro mais. Continuar lendo

Para jantar e para guardar na estante

O livro de Shin e o mix de entradas servido no menu especial do novo Sakagura A1 (foto: divulgação)

Foi lançado ontem o livro A Cor do Sabor: a culinária afetiva de Shin Koike (272 pg., R$ 120, Ed. Melhoramentos), de Jo Takahashi, um belo e colorido registro do processo criativo de um dos mais talentosos chefs da cozinha japonesa. Além de receitas, a obra reúne alguns bate-papos com outros artistas (como o músico Ed Motta, a ceramista Kimi Nii, o hair designer Hideaki Iijima) e fala da interessante expedição gastronômica do chef à Ilha Grande (RJ), em busca da essência dos sabores simples. Para comemorar o lançamento, Shin vai promover menus especiais nos três restaurantes em que atua – o novo Sakagura A1, o premiado Aizomê e o Rangetsu. Quem escolher o menu especial leva pra casa o livro. Dê uma olhada nos pratos! Continuar lendo

Nasce uma estrela

Canudinho de festa de casamento recheado com creme de camarão e ovas de peixe Mujjol – e isso é só um petisco…

Segundona fria, mas com uma grande novidade gastronômica: hoje inaugurou o aguardado Attimo, nova casa do restaurateur Marcelo Fernandes (sócio do Kinoshita, Mercearia do Francês e Clos de Tapas, vai vendo…). Aqui Marcelo se associou ao seu irmão, Ernesto Fernandes, e ao chef Jefferson Rueda (ex-Pomodori). A proposta da cozinha me deixou curioso: culinária ítalo-caipira. Ou seja, pratos que mesclam a tradição italiana (uma das preferidas em SP) com ingredientes, técnicas e toques da cozinha regional brasileira, terreno onde Jefferson se sente à vontade – criado no interior, ele ainda é casado com Janaina Rueda, a chef do Bar da Dona Onça – ou seja, é muito Brasil, gente. O resultado superou qualquer expectativa, nas minhas duas visitas à casa, em jantares para convidados. Agora a casa abre pra valer, mas pelo que vi (e comi), o Attimo vem com força. Continuar lendo

Menu traz petiscos de taberna portuguesa

Abri a noite com esse salpicão de frutos do mar, que leva lula, polvo, camarão e mexilhão (R$ 43). Sem contar o tempero sensacional da chef Ilda Vinagre!

Na terça passada contei pra vocês que fui ao A Bela Sintra experimentar os pratos que a chef alentejana Ilda Vinagre havia criado pro Roteiro Zacapa. E não é que, três noites depois, lá estou eu a experimentar outra novidade da Ilda? Dessa vez foi no restaurante Trindade, a outra casa do restaurateur Carlos Bettencourt. O menu se chama Baderna na Taberna e comemora os cinco anos de aniversário do restaurante. A idéia é servir petiscos, apenas no jantar, que representem as receitas simples e autênticas das tabernas portuguesas. São seis à base de peixes e frutos do mar (como as vieiras  douradas, tomate, batata e azeite, R$ 23) e e seis à base de carnes variadas (caso da espetada de filé de porco com pasta de pimentão, R$ 22). Sexta fui ao Trindade e jantei algumas dessas delícias. Só teve um problema: o local estava um pouco escuro e nem a câmera do iPhone 4S resolveu, então a foto bonita que abre esse post e outra abaixo são do Mauro Holanda. As outras… são minhas! Snif… Continuar lendo

Menu de pizzas especiais surpreende

Comecei bem: burrata al pesto, com a mussarela de búfala cremosa, sobre tomates e molho pesto genovês (R$ 51/ 62)

Quem me conhece ou me acompanha por aqui sabe o quanto sou fã de pizza. Eu sei, todo mundo gosta de pizza, mas eu realmente amo. Assim, fiquei bem contente na semana passada, quando fui à pizzaria Veridiana conhecer o novo menu de pizzas gourmet. E atenção: estou escrevendo esse post de um spa médico, o Lapinha, onde estou fazendo uma dieta de 740 calorias por dia, há quase uma semana! Pense no sacrifício de escrever sobre pizzas gostosas! Mas tudo bem, só a lembrança do que comi já me satisfaz (aham, gordinho, senta lá!). O menu gourmet da Veridiana tem sete sabores de pizza, dos quais provei seis (tá vendo por que preciso de spa, depois?). Adoro mesmo pizza básica, de mussarela, calabresa ou atum. Mas me surpreendi positivamente com essas coberturas especiais Quer saber de qual mais gostei? Esqueça as calorias e vem comigo! Continuar lendo