Éramos seis

Melhor prato do Ici no Balcão: codorna recheada com ameixa e foie gras (RÁ!), coberta com um demi-glace robusto. Perfeição.

Melhor prato do Ici no Balcão: codorna recheada com ameixa e foie gras (RÁ!), coberta com um demi-glace robusto. Perfeição.

Ontem participei de uma das degustações mais legais desse ano. Trata-se do Ici no Balcão, um jantar de 6 etapas realizado no balcão que se debruça sobre a cozinha do Ici Brasserie Jardins, em que o chef executivo do grupo, Marcelo Tanus, serve e apresenta os pratos. O mais bacana: você pode interagir com o chef, tirar dúvidas ali na hora e conhecer mais das receitas e da culinária francesa.

Um boa surpresa com essa entrada fria: salmão curado com vodca e beterraba, acompanhado de laminas de rabanete e molho gribiche (gema de ovos com alcaparra).

Um boa surpresa com essa entrada fria: salmão curado com vodca e beterraba, acompanhado de laminas de rabanete e molho gribiche (gema de ovos com alcaparra).

Pra ficar ainda mais legal, ontem o próprio chef Benny Novak, um dos sócios da casa, comandou a degustação, enquanto a somelière da casa, Caroline Oda, harmonizava cada etapa com cervejas. Luxo puro, que irá se repetir no dia 14 de julho (com Benny e Marcelo servindo esses pratos), às 20h. Depois, acontecerá a cada 15 dias, com menus diferentes em cada edição.

Primeira entrada quente: pissaladière: massa folhada com alcaparra, azeitona preta, anchova e cebola caramelizada.

Primeira entrada quente: pissaladière: massa folhada com alcaparra, azeitona preta, anchova e cebola caramelizada.

O jantar fechado custa R$ 187, incluindo a bebida. Um porém: são apenas seis lugares, então o Ici no Balcão se esgota em menos de duas horas. Você tem de ficar de olho no Foodpass.com.br pra garantir sua vaga.

Clássico da casa e da culinária francesa: rã à provençal, harmonizada com cerveja Ici 00.

Clássico da casa e da culinária francesa: rã à provençal, harmonizada com cerveja Ici 00.

Acelga recheada com pescoço de cordeiro, desmanchando, purê de batata e mini-cenoura.

Acelga recheada com pescoço de cordeiro, desmanchando, purê de batata e mini-cenoura.

Vieira salteada com bacon e molho de cogumelos.

Vieira salteada com bacon e molho de cogumelos.

Clafoutis de cereja e pistache fechando o Ici no Balcão

Clafoutis de cereja e pistache fechando o Ici no Balcão

Os chefs atrás do balcão: Marcelo Tanus (à esq.) e Benny Novak.

Os chefs atrás do balcão: Marcelo Tanus (à esq.) e Benny Novak.

Ici Brasserie Jardins – Rua Bela Cintra, 2203, Jardins, tel. (11) 2883-5063 / 2883-5064, www.icibrasserie.com.br

Anúncios

Um dos melhores chefs de Recife fará cinco jantares em SP

Bai„o trËs chic_crÈditos_Marina Freitas (2)

Baião Très Chic: um dos 5 pratos do menu especial do chef Joca Pontes pro Dalva e Dito

Recife é, pra mim, uma das melhores cidades brasileiras para comer fora. E não estou falando apenas de comida regional (que também é ótima). A capital pernambucana tem uma cena gastronômica vibrante, diversificada, com chefs talentosos e criativos. Um dos meus preferidos é Joca Pontes, que comanda o Ponte Nova, um dos melhores restaurantes de cozinha contemporânea do país (e não só de Recife), além de outras casas. A boa notícia é que Joca está em São Paulo para cozinhar. Entre os dias 25 e 29 de maio, o chef pernambucano vai preparar um menu especial no Restaurante Dalva e Dito, do chef Alex Atala ( jantar do dia 25 e almoços e jantares dos dias 26 a 29).

Ovo Imperfeito: ovo mollet sobre pirão de queijo, com bacon.

Ovo Imperfeito: ovo mollet sobre pirão de queijo, com bacon (fotos da Mariana Freitas)

O cardápio será feito a quatro mãos com Milton Schneider, chef da casa, e terá cinco fases. Ali estão pratos que marcaram a carreira de Joca, como o Ovo Imperfeito (ovo caipira mollet, sobre pirão de queijo ao açafrão da terra, bacon Yaguara e farofa panko) e o Baião Très Chic (arroz-da-terra puxado no creme de leite, com lascas de carne seca, uvas verdes, queijos minas padrão e coalho, com camarões grelhados e farofa de croutons por cima). Quem quiser se arriscar a fazer, a receita está aqui. E só a descrição de uma das sobremesas já me deixou salivando: Dadinhos de Chuva, ou seja, cubinhos crocantes de tapioca com coco e canela, caramelo salgado, goiaba passa e manjericão. O preço do menu fechado é de R$ 160 por pessoa, sem bebidas nem serviço, e é bom reservar antes, pois terá número limitado de lugares.

Dalva e Dito R. Padre João Manuel, 1.115, Jardins, tel. (11) 3068-4444, www.dalvaedito.com.br

Attimo recebe o chef do Mocotó para jantar a quatro mãos

Dadinhos de tapioca

Um dos petiscos: dadinhos de tapioca do Rodrigo Oliveira

Depois do ótimo Menu do Açougueiro, em abril, o chef Jefferson Rueda, do Attimo,  prepara um novo evento bem bacana. Chama-se Cozinhando pelo Brasil: a cada dois meses, Rueda recebe em sua cozinha um chef para preparar um menu autoral a quatro mãos. E o primeiro jantar já tem convidado e data: será o chef Rodrigo Oliveira, dos restaurantes Mocotó e Esquina Mocotó, no dia 10 de junho, na próxima segunda, às 20h. E bom reservar, porque em geral os eventos com o Rodrigão lotam fácil. O preço é R$ 180 e o menu completo está abaixo. 

Pra começar
Caipirinha (drinque de boas vindas); dadinhos de tapioca (Rodrigo Oliveira);
croquete de pé porco (Jefferson Rueda)

Couvert
Pão de mandioca, de batata roxa, de torresmo e manteiga de urucum, quiabo defumado (Rueda); sopa de fubá, cambuquira e ovos mexidos (Oliveira)

Entradas
Abóbora com carne seca, camarões e leite de castanha de caju (Rueda); favada com legumes sertanejos e linguiça defumada (Oliveira)

Prato principal
Carne-de-sol de filé com baião-de-dois cremoso (Oliveira), codeguin com beterraba e raiz forte (Rueda)

Sobremesa
Grumixama (Rueda)

Attimo – Rua Diogo Jácome, 341, Vila Nova Conceição, tel. (11) 5054-9999, www.attimorestaurante.com.br