Receita: aprenda a fazer o pudim de leite na latinha do Holy Burger

IMG_0586Outro dia fiz um post sobre meus cinco pudins de leite preferidos dos restaurantes em São Paulo (que você pode ler aqui) e um dos que mais chamou atenção do Holy Burger: o pudim de leite condensado que chega à mesa na latinha. Além da apresentação charmosa, o doce é uma maravilha de sabor e cremosidade. Recebi tanto pedido de leitor que acabei descolando a receita com Gabriel Prieto, sócio do Holy Burger. Ainda não fiz em casa, mas já vou dar aqui pra quem quiser testar – e depois me contar. Ah, a receita abaixo rende 15 pudins, então você pode preparar um terço e fazer 5 unidades – ou fazer os 15 pudinzinhos e chamar amigos pra comer, sem se esquecer do blogueiro aqui.

Pudim de leite condensado e cumaru

Ingredientes:
900 ml de leite
900 ml de leite condensado
600 g de creme de leite
9 ovos
2 sementes de cumaru (se não tiver cumaru, pode usar amburana ou cumarina, que podem ser compradas até em sites. Nada de essência de baunilha, segundo o pessoal do Holy. #xati)

IMG_0584Modo de preparo:
Rale as duas sementes de cumaru e coloque no leite. Leve-o ao fogo e deixe mornar. Desligue e reserve. Misture o creme de leite e o leite condensado com fouet (na mão).
Em uma vasilha à parte, bata os ovos com fouet (na mão) e depois peneire. Junte os ovos com a massa e acrescente, depois de peneirar, o leite com cumaru. Reserve e deixe descansar um dia na geladeira.
Numa panela, faça um caramelo com açúcar, mas sem deixar duro. Caramelize as latinhas de leite condensado vazias, despejando no fundo. Daí despeje a massa do pudim até faltar um dedo nas latas. Leve ao forno pré-aquecido a 160ºC e deixe cozinhar em banho-maria por uma hora. Depois, coloque na geladeira para esfriar completamente. Na hora de servir, é só passar uma faca ao redor do pudim para ajudar a soltá-lo da lata e… ser feliz!

Holy Burger – R. Dr. Césario Mota Jr., 527, Sta. Cecília, tel. (11) 4329-9475

Esses são meus 5 pudins de leite preferidos de SP. Qual é o seu?

rivieraUma das sobremesas mais tradicionais do Brasil, o pudim de leite é um doce democrático. Tem pra todo mundo – com furinho, sem furinho, mais firme, mais cremoso, calda espessa, calda rala… Aqui vão meus 5 top em São Paulo servidos em restaurantes e lanchonetes.  E como somos um blog democrático, quero saber de você, leitor: qual é o seu pudim de leite favorito? Poste nos comentários, mande foto e vou aumentando o post com sua colaboração. E já começo com o ótimo pudim de leite do Riviera (R$ 14). Doce na medida certa (não suporto sobremesa açucarada), o pudim do clássico bar/restaurante ainda vem com uma generosa colherada de doce de leite argentino por cima. Larica pouca é bobagem.
(Riviera Bar – Av. Paulista, 2584, Jardins, tel. (11) 3258-1268, www.rivierabar.com.br)

 

holyEssa foi minha mais recente experiência pudinzística: o pudim de leite condensado de latinha do Holy Burger (R$ 12). A casa, aberta em dezembro de 2014, é um sucesso, vive lotada e server um dos melhores hambúrgueres da cidade. Mate um burgão e não deixe de pedir o pudim, que chega à mesa “enlatado”. Você tira devagarinho e… tchã-raaam! Eis um pudim tubular e dourado, lindo, com a calda caramelizada escorrendo por cima. É super cremoso e mata a vontade de duas pessoas (a não ser que seja eu, daí me deixe em paz com minha latinha).
(Holy Burger – R. Dr. Césario Mota Jr., 527, Sta. Cecília, tel. (11) 4329-9475)

 

conceiçãoA chef Talitha Barros tem causado uma boa repercussão com seu Conceição Discos. Fama justificada: comida saborosa, bem executada e com preços camaradas (morri com o delicioso arroz de bacalhau e o já famoso pão de queijo recheado de pernil desfiado e ovo de gema mole). Além disso, tem o maravilhoso pudim de leite (R$ 8) com jeitão caseiro, de avó mesmo. Mas não se engane a cremosidade entrega que o preparo da receite é muito profissional. E é o mais barato da minha lista, ou seja, ótimo custo/benefício etc. Se jogue.
(Conceição Discos – Rua  Imaculada Conceição, 151, Santa Cecília, tel. (11) 3477-4642)

 

attimo05Desde que abriu, o Attimo me chamo atenção pela cozinha primorosa do chef Jefferson Rueda, o ambiente clean elegante e por esse pequeno tesouro no fim da refeição: pudim de leite (R$ 34) com chantilly de caramelo e algodão doce – um toque familiar, já que o avô do chef vendia essa guloseima no interior. Parece tudo muito doce? Mas não é: receita da chef Saiko Izawa é equilibrada e absurdamente confortável (apesar do preço bem salgado).
(Attimo – Rua Diogo Jácome, 341, Vila Nova Conceição, tel. (11) 5054-9999)

 

PJClarkes-4Ok, a sobremesa-fetiche do P.J. Clarke’s é o cheesecake com calda de frutas vermelhas e não se discute isso. Porém uma vez me arrisquei no pudim de leite com baunilha (R$ 17) e fiquei seriamente abalado. Pequeno, porém intenso, o doce é cremoso ao extremo, super equilibrado e com apenas um pouco de calda. Lembra a receita do aclamado Forma de Pudim, mas é feito no P.J. mesmo. Pena que acaba logo. (ah essa é a única foto de divulgação do post; as outras são do gordinho aqui!)
(P.J.Clarke’s – R. Dr. Mario Ferraz, 568, Itaim, tel. (11) 3078-2965 ou R. Oscar Freire, 497, Jardins, tel. (11) 2579-2765, www.pjclarkes.com.br)

E você? Qual é seu pudim de leite preferido da cidade? Mande seu comentário, foto e tudo que quiser. A gente depois posta tudo. Bons pudins!